30. jul, 2016
30. jul, 2016

Sites de busca e Redes de hotéis na Europa

Sites de busca

Existem vários sites para reservas hotéis, e muitos hotéis estão disponíveis em vários desses sites, já outros só aparecem em alguns deles, então vale conferir todos os sites, mesmo porque um mesmo hotel pode ter preços diferentes em cada um dos sites de busca. Uma opção interessante é utilizar o Trivago que pesquisa preço em todos os sites de reserva de hotéis. Outra alternativa é depois de achar o hotel conferir no próprio site do hotel o valor da diária, na maioria das vezes é o mesmo, algumas vezes é mais barato e outras é mais caro, pois os sites de buscas fecham acordos com os hotéis. Na maioria dos sites é possível cancelar sem custo a reserva até alguns dias antes da viagem para a maioria das ofertas.

A não ser que seja mais barato fechar a reserva direto com o hotel, recomendo os sites de busca, pois vários deles têm “programas de fidelidade”; o Booking por exemplo, após uma quantidade de reservas feitas e utilizadas considera o cliente como cliente Genious e oferece algumas ofertas especiais como 10% de desconto, ou condições especiais como late check-out sem taxas adicionais e café da manhã, etc. Já a Expedia e outros sites atribuem pontos para cada reserva e após uma quantidade de pontos é possível trocar por uma diária.

Já utilizei alguns desses sites, o Booking (www.booking.com) e o Expedia (www.expedia.com.br) são meus preferidos.

O Booking é um dos mais famosos sites de reserva de hotel e é um dos que eu mais utilizo. No Booking há geralmente muitas ofertas de hotel. A maioria das reservas somente são pagas direto no hotel no dia da estadia, porém alguns hotéis cobram uma parte ou a totalidade da reserva no momento da reserva. Todavia todas as regras são bem definidas e claras no momento da reserva. O Booking fornece uma estimativa em qualquer moeda que você escolher baseado na cotação do dia, porém o preço é cobrado na moeda local do hotel no dia do pagamento.

A Expedia tem sido minha principal opção de reservas para viagens internacionais. O grande diferencial da Expedia é que para a maioria dos hotéis, independentemente da localização, ela oferece opção de pagamento em reais baseado na cotação do dia e ainda divide o pagamento em 12x. Essa é uma grande vantagem, porque a cotação de conversão geralmente é boa, você fixa o quanto vai pagar, não gasta em IOF e ainda parcela acumulando milhas no cartão de crédito. Outro ponto, as vezes há descontos especiais quando se está logado com seu usuário no site, então indico fazer as pesquisas de preço quando estiver logado. Quando estava na Inglaterra utilizava o expedia.co.uk e nesse caso pagava minha reserva em libra independentemente de onde fosse o hotel, ou seja, utilize a expedia do país que você mora.

Uma modalidade diferença de sites de hospedagem é o AirBnb. O AirBnb a princípio é um site onde pessoas alugam quartos em suas casas ou a residência inteira, mas também há aqueles que montam pequenas pousadas ou tem vários apartamentos já com fins turísticos. Minhas experiências com o AirBnb foram poucas e boas. Única experiência negativa foi uma vez que tive uma reserva cancelada, nesses casos o site te devolve o dinheiro ou o crédito acrescido de um percentual para fazer outra reserva no site. O inconveniente é ter que procurar outro local em cima da hora, e dessa forma ficar sem boas opções e até apenas mesmo com opções muito mais caras. Procure nas avaliações e verifique se o anfitrião costuma cancelar reservas, cada vez que ele cancela aparece uma mensagem automática na página dele. Recomendo o AirBnd principalmente para hospedagens mais longas, dessa forma pode procurar lugares com cozinha e sentir mais em casa do que em um hotel, além de economizar bastante com estadia e comida. Em Barcelona aluguel um lindo Studio por 2 meses. O AirBnb também tem site especifico para cada país, no Brasil utilize www.airbnb.com.br.

 

Redes de hotéis na Europa

O EasyHotel (http://www.easyhotel.com/pt/) tem várias unidades na Europa, é um uma excelente opção principalmente em Londres. São acomodações simples e pequenas, mas em compensação baratas, confortáveis e bem localizados, em Londres há várias unidades no centro e próximas ao metrô. Há várias opções de quartos, inclusive os quartos sem janelas, haha, é isso mesmo. Os quartos mais baratos são bem pequenos, sendo que o quarto de casal praticamente só tem espaço para cama. Chegamos a escolher o quarto pequeno, mas a opção de quarto duplo ao invés de casal, pois como tinha duas camas de solteiro havia mais espaço. Existe também a opção de quartos tamanho padrão que são pequenos, mas pelo menos cabe as malas. Além de pequeno, geralmente tv e internet no quarto precisam ser pagas a parte, mas afinal você está na Europa e não vai querer ficar dentro do quarto além do tempo necessário para dormir e tomar banho. Porém há variações no serviço, leia a descrição do quarto, em algumas unidades de Londres a internet é disponibilizada gratuitamente na recepção; na Suíça, em Basiléia, o quarto era enorme, e tinha tudo incluso, até mesmo bilhete para o transporte público. Em Budapeste o quarto padrão tinha um tamanho OK.

Em Londres considero o Easy uma ótima opção para quem quer economizar, pois há diárias a partir de 25 libras, e como disse, com a garantia que vai ter um quarto limpo e uma cama boa, o que não é fácil em Londres, pois as estadias são caras e algumas muito velhas. Uma vez reservei um hotel próximo a King Cross que o colchão parecia um vale, horrível, quando pedimos para trocar fomos para um quarto com uma cama boa, porém com um cheiro horrível de cigarro, como era apenas por uma noite ficamos por lá, mas não recomendo.

Outra rede grande no Reino Unido é o Travelodge (https://www.travelodge.co.uk/). A rede tem muitas opções espalhadas pelo Reino Unido e Irlanda, com quartos de tamanho mais padrão, porém apesar de preços bons, não compete com o Easy, principalmente nas localizações centrais de Londres.

O Ibis em Londres também não é barato. Existem em algumas cidades o Ibis Budget, mais simples e mais barato, em alguns casos uma boa opção.

Esses são apenas higthligths; em cada post menciono o hotel que fiquei se achar que valeu a pena, e que de fato foi um bom negócio!

 

30. jul, 2016